O céu não é o limite

Os raios solares cingiam contra as nuvens, provocando uma brancura ofuscante e ainda assim delicada, no plano de fundo aquele manto cerúleo que se estendia além dos horizontes, onde as vistas não alcançavam. A grandeza era opressora, olhar para o céu me fazia sentir minúscula, desprezível. Do que eu sabia? Do que todos nós sabíamos? Por um momento pensei numa lembrança antiga, a areia triturando sob meus pés, úmida da água cintilante que vinha do oceano, o oceano tão azul quanto o céu, e no horizonte, ali eles pretendiam se encontrar, mas o tão perto que pareciam, era apenas uma sombra do quão distante estavam. Não era o céu que buscava ao oceano, mas o oceano que tentava alcançá-lo, com inveja do seu azul mais brilhante, do seu calor, da sua liberdade desmedida, do seu infinito. Por que o oceano, ah, ele enganava a todos, com a falsa promessa de plenitude e além dos limites, pois ele tinha limites, ele nos impunha limites e como nós em relação ao céu também era minúsculo, desprezível em toda sua beleza cálida, mas ainda assim tentador ao nos seduzir a explorar suas águas que da calmaria tornava-se tempestuosa, traiçoeira. Cerrei os olhos e sonhei, sonhei em ser livre, em estar navegando nos céus, cortando as brumas das nuvens, indo de encontro à verdadeira imensidão. No sonho eu suspirei parada a proa, os braços erguidos enquanto o vento bagunçava meus cabelos, me recusando a olhar para trás, esquecer o passado, esquecer a gaiola em que vivia, recomeçar, sem previsibilidade, sem fraquejo, sem dores. O navio está me levando pra longe, sorri largamente, me levando para um lugar que não sei qual é, para novas descobertas, para uma nova vida. Por que o céu, o céu não era o limite, era quem sabe, o começo do infinito.



Texto desenvolvido para o Projeto Bloínquês 28º Tema Musical: O navio está me levando pra longe (Muse - Starlight)
Curiosidade: É minha música preferida deles. IUAHDIA.


Beijos.

7 comentários:

  1. nossa...que texto bonito *-*
    "Por que o céu, o céu não era o limite, era quem sabe, o começo do infinito."....roubei essa frase...=]
    (to seguindo ^^)
    http://stuffartie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. que texto lindo. voce escreve super bem
    boa sorte no projeto.

    ResponderExcluir
  3. bem feito o texto e amei a frase de encerramento "Por que o céu, o céu não era o limite, era quem sabe, o começo do infinito."

    beijos

    PS: Respondendo o comentário lá no meu blog, a falta da estágio foi tão tensa que eu fiz o blog. qye bom que vc gostou da idéia.

    ResponderExcluir
  4. muito legal esse texto, legal saber que tem gente além dos meus amigos que lêem o meu blog

    keltonpoker@hotmail.com

    se quiser me adicionar no msn pra gente trocar uma ideia...

    ResponderExcluir
  5. invejei sua criatividade!! muuito bom o texto e a escolha das palavras, aliás o contexto em si já é perfeito e o final foi demais! Parabéns pelo blog, vou te seguir! se quiser dar uma olhada no meu blog tb:
    www.momentomarcantediario.blogspot.com
    bjo

    ResponderExcluir
  6. Ah amiga, o texto tá bonito sim! Mas quer saber, sou muito mais fã dos teus textos espontâneos, fica mais solto e até mais verdadeiro e original. Nunca perca essa essência espontânea viu? Isso é o que faz teu blog um diferencial. Não perca isso de vista. Mil beijinhos.

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante pra mim! :)