Uma carta pra quem precisa


Belém, 21 de fevereiro de 2012

Eu queria tanto poder te passar a segurança que eu sinto. Dizer-te que eu sei e que eu tenho a plena certeza de que o final que você almeja vai dar certo, e está lá esperando por você. Melhor ainda, que o final que você tanto quer, não passa do início de outra etapa na sua vida. Uma etapa que vai se moldar a você de forma tão perfeita, como você sempre sonhou que moldaria. Queria tanto poder te dizer que sim, você nasceu pra isso. Que você é uma das poucas sortudas de conseguirem descobrir que o que você quer é exatamente aquilo para o qual você foi feita.
Queria te dizer tudo isso, com um sorriso no rosto, segurando sua mão e observando suas expressões se modificarem lentamente, mas de forma intensas, ver você crescer ao mesmo tempo em que mergulha na felicidade da inocência infantil, de uma criança que ganha doces. Você merece isso. Eu sei que sim, e eu acredito, não pela fé cega no que você é, mas pelo conhecimento do que você fez e dos caminhos que você trilhou, das coisas que você sacrificou em prol daquilo que você tanto quer.
Quero te dizer que não é preciso tanto medo, tanto pessimismo, tanta falta de fé em si mesma. Por que você vai conseguir, você vai chegar lá. Não é preciso se subjugar tanto, pensar que suas qualidades não são suficientes, que você não está à nível do seu sonho. Dizer-te que se você foi obstinada o suficiente para sonhar com isso, e mesmo temerosamente, trilhar sua longa jornada nessa direção, então você está acima do nível do que você acha. Então que você vai alcançar o que você quer, sem toda a dor que você acha que vai sentir, sem o medo da decepção que você pensa que não vai suportar.
Você não vai sentir essa decepção. Tira isso da sua mente. Não seja assim, tão dura consigo mesma. Tão desesperada para que o final chegue, mas também que ele demore. Por que você não está preparada, você nunca vai estar preparada o suficiente. Deixa essa paranoia de lado, ela não te faz bem, te tira lágrimas que você não precisava derramar, te angustia por coisas que você ainda não realmente sentiu. Queria tanto poder te passar a segurança que eu sinto pra que você pare de sofrer por antecipação, para que você não seja tão dura consigo mesma, e possa sorrir mais, confiar mais e acreditar mais em si própria. Nas suas capacidades. Eu queria tudo isso, por que eu vi, eu te vi lá, e eu te vejo agora. Você vai conseguir, garota. Você nasceu pra isso. Não tenha medo, não desista do que você ainda nem tentou de verdade.

Com amor,
O futuro.

2 comentários:

  1. Uau, adorei! Veio em mim como uma injeção de ânimo, de verdade. É preciso enchergar nosso futuro com um olhar mais otimista, por mais que o mundo tente tirar de nós essa visão. Só a letra que tá complicadinha de ler, flor...hehe Mas seu blog tá LINDO! Obrigada pela passagem em meu blog, fiquei feliz com seu comentário e por ter gostado. Grande beijo!

    ResponderExcluir
  2. Isso que é uma carta de esperança. Queria poder ler isso de alguém. Em algumas horas eu achava que era um pai ou uma mãe, mas essa carta foi do próprio futuro, o futuro que pareceu se apaixonar pelo destino que essa garota traçou, e que quer ajudá-la a tornar esse destino mais fácil. Sei lá, passou isso pela minha cabeça.
    Lindo seu blog, e valeu pelo comentário lá no meu, eu acho que nunca vou sentir falta, mas espero poder encarar o passado sem tanta dor (:
    Beeijos

    recantodalara.blogspot.com

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante pra mim! :)