Resenhando: O Beijo das Sombras


Título: O Beijo das Sombras
Autora: Richelle Mead
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 320 páginas
Classificação:      


Sinopse: Lissa Dragomir é uma adolescente especial, por várias razões: ela é a princesa de uma família real muito importante na sociedade de vampiros conhecidos como Moroi. Por causa desse status, Lissa atrai a amizade dos alunos Moroi mais populares na escola em que estuda, a São Vladimir. Sua melhor amiga, no entanto, não carrega consigo o mesmo prestígio: meio vampira, meio humana, Rose Hathaway é uma dampira cuja missão é se tornar uma guardiã e proteger Lissa dos Strigoi, os poderosos vampiros que se corromperam e precisam do sangue Moroi para manter sua imortalidade.
Pressentindo que algo muito ruim vai acontecer com Lissa se continuarem na São Vladimir, Rose decide que elas devem fugir dali e viver escondidas entre os humanos. O risco de um ataque dos Strigoi é maior, mas elas passam dois anos assim, aparentemente a salvo, até finalmente serem capturadas e trazidas de volta pelos guardiões da escola.
Mas isso é só o começo. Em O beijo das sombras, Lissa e Rose retomam não apenas a rotina de estudos na São Vladimir como também o convívio com a fútil hierarquia estudantil, dividida entre aqueles que pertencem e os que não pertencem às famílias reais de vampiros. São obrigadas a relembrar as causas de sua fuga e a enfrentar suas temíveis consequências. E, quem sabe, poderão encontrar um par romântico aqui e outro ali. Mais importante, Rose descobre por que Lissa é assim tão especial: que poderes se escondem por trás de seu doce e inocente olhar? Richelle Mead dá uma nova face à literatura vampiresca com este romance: mais ácida, apimentada e inteligente do que nunca, a saga dos Moroi e seus guardiões surpreende pelas reviravoltas e pela ousadia desses cativantes personagens.

Na expectativa do filme de Vampire Academy eu resolvi reler o primeiro livro da série vampiresca, escrita pela Richelle Mead: O Beijo das Sombras. Confesso que faz tanto tempo que eu li esse livro (uns cinco anos) que em determinadas partes dele era como se eu estivesse lendo pela primeira vez. E isso me fez ver o livro sobre uma nova perspectiva, não somente o livro e o filme, como também os personagens. Lembram daquele meu post sobre as expectativas em relação ao filme? O meu medo de se tornar algo meio Meninas Malvadas? 
A verdade é que o livro é meio que Meninas Malvadas com toda aquela coisa de escola, bailes e tudo o mais. É sobre vampiros? É, mas continua sendo uma escola.
O Beijo das Sombras é um livro que você lê rápido, vai devorando as coisas e entrando no universo que a Richelle Mead cria com toda a atenção e cuidado; tudo tem uma lógica de forma que você aceita bem as diferentes "raças" de vampiros que existem: Morois - os bonzinhos que parecem os de Crepúsculo com a coisa de aguentar a luz do dia, Strigois - os malvados que lembram os originais sedentos por sangue, e os Dampir - meio vampiros. As personagens principais, à sua maneira, são bem construídas e tem um contraste entre elas que é gritante. Lissa Dragomir é quase uma princesa perfeita de tão delicada, dedicada e simpática, enquanto a Rose Hathaway é praticamente uma delinquente que acha que sabe e pode tudo, um verdadeiro estereótipo de adolescente. 
Eu acho a Lissa meio chatinha, mas relendo o livro, eu entendi muita coisa sobre ela, dado o fardo que ela carrega, então dei o braço a torcer. Agora, mesmo depois de reler, eu continuo detestando a Rose, talvez seja uma das personagens mais chatas que eu já tive que acompanhar (ou não, a America de A Seleção ganha). Não sei se é porque o jeito dela é impulsivo demais pro meu gosto, o ponto é que a maioria das opiniões e principalmente atitudes dela no decorrer do livro me fazem rolar os olhos. Os demais personagens eu não tenho nada contra e muita coisa a favor: Christian Ozera é fantástico, Dimitri Belikov é... Só podemos suspirar por ele. Victor Dashkov é um personagem muito bem feito também, e temos a Mia Rinaldi (SOS Diário da Princesa!) que lembra alguém muito irritante da sua escola ou dos tempos de escola se você já se formou e não posso esquecer do Mason que é um fofo!
Quanto ao enredo, é o primeiro livro da série então ele geralmente segue uma linha introdutória, apesar de que a Richelle cria o universo e te deixa confortável dentro dele. Ela explica o essencial e isso é importante porque não tem coisa que mais me irrita quando se trata de uma saga e você sai do primeiro livro confuso e cheio de perguntas, não sobre o que vai acontecer, mas sobre o que aconteceu e o que você leu, entendem a diferença? O Beijo das Sombras te deixa cheio de perguntas e expectativas no final, mas não te deixa com aquela sensação horrorosa de que algo ficou faltando ou que algumas coisas ficaram incompreensíveis. 
No mais, como ando me controlando para não virar uma Maria-Spoiler, deixo para vocês lerem o livro. Eu recomendo porque é bom, te instiga e eu tenho certeza que você vai ficar doidinha pra ler o resto da série. A Richelle Mead é uma mestra na arte de prender seus leitores nas histórias que ela cria.


5 comentários:

  1. fiquei com vontade de saber mais achei muito boa a historia bjs

    FB www.bonitasnareal.net seguindo o blog e já curti a pagina também

    ResponderExcluir
  2. Ahhh sim, tu estás escrevendo um livro sobre vampiros? Que legal! Espero que esse ajude! =D

    ResponderExcluir
  3. Leia o livro! Certeza que não vais te arrepender! :B bjs

    ResponderExcluir
  4. VA! VA! VA! VA!
    Legal tua releitura! Pensei em fazer isso, mas só acabei folheando algumas partes marcantes do livro.
    O livro 1 é raso se comparado aos outros da série mas aí está a riqueza dessa ruiva maravilhosa! Ela trabalha os personagens continuamente. Ou seja: eles crescem de verdade!
    Não sei se reparaste, mas a Rose do livro 1 é TOTALMENTE diferente da Rose do livro 4, por exemplo. As circunstancias a fizeram crescer. Claro que a essência continua a mesma, mas eles crescem.
    AI, essa mulher é tão gênio <3
    A amo e fico feliz por gostares dela também.
    Mesmo tu não gostando de Rose. TIPO, SÉRIO?????? ELA É A PERSONAGEM MAS BADASS DO MUNDO DAS PERSONAGENS BADASS.
    Enfim, enfim, amei <3

    http://nemtecontoblogg.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu li até uma certa parte esse livro, vou terminar de ler. Seu post me fez interessar mais por esse livro.

    FB - http://leoninafashion.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante pra mim! :)